Hoje é Dia de Culto!

0
143

devocional“Portanto, irmãos, rogo-lhes pelas misericórdias de Deus que se ofereçam em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus; este é o culto racional de vocês.” (Romanos 12.1)

Entregar-se, submeter-se, obedecer. Seria possível vida cristã sem isso? Não. Certamente não. Jesus mesmo avisou, e antecipadamente, a quem desejava segui-lo: será necessário submissão e obediência (Lc 9.23). Mas temos aqui o apóstolo rogando aos irmãos de Roma, invocando nesse rogo as misericórdias de Deus. Ele pede que aqueles irmãos submetam-se a Deus. Pede que vivam, não para si mesmos, mas para Deus. E declara que é esta a adoração, o culto racional, lógico, que faz sentido. O Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo não é uma divindade a quem se dedicam ritos, oferenda e presentes. É o Criador de tudo, que de nada precisa, mas que nos ama e nos convida para voltarmos para Ele. Sem obediência não há, de fato, evidência de que voltamos ou fomos levados de volta.

Não há culto sem obediência. A liturgia cristã é a vida, o modo como lidamos com nossas virtudes e vícios, dons e defeitos. É o modo como administramos nossos bens e usamos nossa liberdade. Culto é o modo como usamos as palavras disponíveis em nosso vocabulário e os propósitos com que as usamos. Se as usamos para consolar ou para agredir, para honrar ou difamar, para dizer a verdade ou para tecer a mentira. Culto é como nos relacionamos com as pessoas. Se com respeito ou desrespeito, para edificar uma amizade ou para usarmos seus recursos, fazendo a vez de parasitas. Se ao nos relacionarmos aproveitamos a oportunidade para servir ou se arquitetamos formas de nos servir das pessoas. A liturgia cristã tem a ver como nossa vida acontece, de fato, em casa e na rua, não num templo. Sem a vida o templo é pura encenação!

A liturgia cristã é composta de escolhas, atitudes, desejos, lagrimas, arrependimento, confissão, colaboração, compromisso, doação e tudo mais que se possa realizar pelo uso do tempo, talentos, recursos e dons que temos. Nossa vida é a liturgia que confirma a outra, a do templo. Sem a primeira, a segunda não terá valor aos olhos de Deus (Mt 15.7-9). Por isso o apóstolo roga e evoca as misericórdias de Deus. Pois sem a oferta de nós mesmos, sem nossa entrega constante e diária, não haverá adoração entre nós e Deus. E essa entrega não acontecerá sem obediência, sem submissão. Hoje é dia de culto. O seu culto racional. Sua vida é a liturgia. Celebre a Deus e glorifique o Seu Nome. Exalte-o com sua vida, seus atos e palavras. Use seu dinheiro hoje liturgicamente, assim como seu tempo. Enfrente as tentações e circunstâncias como cristão. Que o mundo ouça o seus louvores!

ucs

Compartilhar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.