Mentes renovadas, vidas transformadas

0

Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável a ele. ” Romanos 12:2.

A palavra do apóstolo Paulo registrada neste verso não foi dirigida a descrentes ou a pessoas em geral, mas aos irmãos da igreja de Roma. Para os cristãos de Roma naquela época, por volta do ano 56 d.C., o “sistema de coisas” incluía padrões, costumes, comportamentos e estilos que caracterizavam o mundo romano. O fato de Paulo ter feito essa advertência indica que alguns ainda estavam sendo influenciados por aquele sistema.

Muitas vezes pensamos que, uma vez sendo salvos por Jesus, não há em nós nada que necessite mudar; puro engano! Somos expostos todos os dias aos pensamentos, valores e princípios do mundo sem Deus. Estamos em constante perigo em nos amoldarmos a este sistema e, por isso, temos muitos motivos para também acatarmos a inspirada advertência e cessarmos de ser modelados por este sistema de coisas, mas antes sermos transformados, isto é, não concordar, não tomar a forma do mundo.

É preciso atentar para necessidade de renovação da MENTE, o centro dos pensamentos e das emoções. Tudo começa pela mente. Tudo começa por aquilo que vemos, ouvimos e sentimos: “Como o homem pensa em seu coração, assim ele se torna” (Provérbios 23:7).

Renovar a mente significa MUDAR alguma coisa; DAR NOVA FORMA; TORNAR DIFERENTE DO QUE É. Renovar a mente é tirar a mentalidade velha e preenchê-la com a Palavra de Deus; é deixar todo pensamento e conhecimento velho; é despejar pensamentos velhos para adotar pensamentos novos. Renovar também é buscar crescer mentalmente, adquirir conhecimentos, educar-se e preparar-se para um melhor serviço a Deus. O Senhor quer que tenhamos mentes vigorosas e bem treinadas.

Diante disto, cabe a pergunta: De que estamos alimentando a nossa mente? O que temos visto; o que temos lido; em que os nossos pensamentos estão fixos? A Palavra de Deus em Filipenses 4, versículo 8, nos adverte: “Tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.”

Quanto tempo você prioriza para o Senhor? Como está o seu tempo a sós com Deus?

Saiba que somos transformados na nossa experiência diária com Deus e no nosso relacionamento com o Espírito Santo e dependemos dessa transformação para experimentar “qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

E a vontade de Deus para as nossas vidas é que busquemos viver de acordo com o ideal Dele para nós… Esta transformação implica em mudança de atitudes, conforme lemos em Efésios,
capítulo 4, versículos de 28-32. “Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tiver necessidade. Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem. E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção. Toda a amargura, e ira, e cólera, e gritaria, e blasfêmia e toda a malícia sejam tiradas dentre vós, antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo”.

Tudo isso é sinônimo de uma vida transformada. Uma vida livre de toda amargura, ira, indignação, calúnia e maldade. E uma vida transformada, tem o poder de transformar os que estão ao seu redor, com sua influência e principalmente com seu testemunho.

Por Izilda Portela  – Graduada em Jornalismo, pós-graduada em Terapia de Família e em Liderança Avançada pelo Instituto Haggai Singapura.

 

ARTIGOS SIMILARES

0

0

SEM COMENTÁRIOS

Responda