Façam o papel de vocês!

0
108

Acho interessante quando Jesus diz aos discípulos que eles são sal da terra e luz do mundo. Digo isso porque é uma maneira de jogar a responsabilidade sobre eles. Jesus poderia ter dito: “Vocês serão…”, mas não foi assim. Vamos ao texto?

Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens.
Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte.
E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Pelo contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa.
Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus (Mt 5.13-16).

Ao dizer que eles eram o sal, Jesus lembrou que o sal tem que salgar. Ao dizer que eles eram luz, Jesus lembrou que eles tinham que iluminar. Os discípulos não foram chamados de sal e luz para ficar quietos, parados, esperando a vida passar. Como sal, deveriam salgar. Como luz, deveriam iluminar.

Da mesma forma que eles foram chamados de sal e luz, no passado; todo cristão é sal e luz também. Se aqueles discípulos deveriam cumprir a missão deles, nós também devemos cumprir a nossa. Somos discípulos, não somos?

Sabedores disso, é bom lembrar a finalidade de sermos sal e luz: “Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus”. A finalidade é clara, não é? Devemos ser sal e luz para que Deus seja glorificado, adorado, reconhecido como Deus único e verdadeiro, pelos homens.

Hoje continuo ouvindo Jesus dizer: “Vocês são sal e luz, sendo assim, façam o papel de vocês!”.

Wanderson Miranda de Almeida
Colunista deste Portal
www.wandersonmiranda.com

Compartilhar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.