Dediquem-se à oração 3

0
66

“Dediquem-se à oração, estejam alertas e sejam agradecidos.” (Colossenses 4.2)

O que fazemos com nosso tempo a cada dia? Somos bons usuários desse recurso limitado que temos e que define nossa vida? Costuma-se dizer que tempo é dinheiro. Talvez devamos considerá-lo como sendo incomparavelmente superior ao dinheiro. Com tempo podemos fazer dinheiro. Mas o poder do dinheiro sobre o tempo é muito limitado. Não sei o quanto, de fato, temos consciência do valor e importância do tempo! Devemos orar sobre isso. Se nos dedicarmos à oração poderemos incluir este assunto em nossas conversas com Deus. E precisamos, pois em média desperdiçamos tempo. 

Em média, não sabemos usar o tempo. Um dos desafios é o jogo emocional que vivemos com o passado (tempo que se foi), o presente (tempo que temos) e o futuro (tempo que esperamos ter). Um jogo que nos aperta entre a culpa pelo passado e a ansiedade pelo futuro, e nos deixa deslocados do presente. Precisamos ser mais capazes para viver o hoje, o agora e aproveita-lo de modo sábio. Outro desafio são as inúmeras distrações que a tecnologia trouxe para a nossa vida. Face, Instagram, YouTube são os três mais. Quanto tempo gastamos lendo, assistindo, postando, vendo a propaganda dos outros e fazendo a nossa, num jogo de exposição nem sempre marcado pela sensatez? E há ainda o desafio de sair-se bem na difícil tarefa de distinguir entre o importante e o urgente, e aprender a priorizar o importante. Precisamos de ajuda para não nos perder no tempo.

Dedique-se à oração e peça ajuda a Deus para usar seu tempo de maneira sábia. Peça a Ele sabedoria e equilíbrio. Ele não é contra a diversão ou o descanso. Ele pode ajudar para sermos mais sensatos no uso do tempo, pois um dia esse temor terá fim. Não ficaremos aqui para sempre e as pessoas que amamos também não. Não teremos sempre as oportunidade que temos para servir, amar, perdoar e pedir perdão. Se queremos lidar bem com o tempo precisamos nos dedicar a oração. Quanto mais atarefado o dia, mais precisamos orar. Porem, costumamos fazer o contrário! Dedique-se hoje um pouco mais à oração. Inclua em sua conversa com Deus o modo como você usa o seu tempo. Aprenda em oração a contar o seus dias e busque em Deus um coração sábio (Sl 90.12). Viva como sábio e não como insensato, aproveitando bem cada oportunidade, porque os dia são maus! (Ef 5.15-16).

Compartilhar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.